Da Redação JM Notícia

Derval Paiva, presidente do MDB-TO

O Movimento Democrático Brasileiro no Tocantins (MDB-TO) se reúne neste sábado (27), em Palmas, para discutir os rumos que a sigla deve tomar em 2018. Participarão deste 3º Encontro Regional do MDB Tocantins os membros do diretório estadual e metropolitano, da Comissão Executiva Estadual e lideranças de Palmas e região.

Vários assuntos estão na pauta dessa reunião, entre eles a eleições 2018, como não poderia deixar de ser, a constituição do o MDB Mulher, interação com o MDB Jovem e a instalação do Conselho Político que fora definido em encontros anteriores.

O presidente do partido, Derval de Paiva, declarou que não irá esperar uma decisão do governador Marcelo Miranda sobre a reeleição e que irá formar uma frente suprapartidária com os candidatos “mais educados, os mais respeitosos” para formar um grupo forte.

“Precisamos configurar o grupo do bom senso, aqueles que tenham um tratamento mais respeitoso um para com o outro”, disse Derval. A declaração soou como uma crítica ao prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB), que tem feito ataques aos políticos tocantinenses promovendo o que ele chama de “nova política”.