Da Redação JM Notícia

Entidades filantrópicas de todo o Estado têm até o dia 26 de fevereiro deste ano para a formalização de pedidos de doação de bens móveis para a Justiça Federal no Tocantins. Foram destinados para  alienação, na modalidade doação, 333 bens, que vão desde equipamentos para informática a móveis para escritório. A lista completa está disponível no site www.jfto.jus.br, na sessão “avisos”.

Após uma avaliação, por parte da Comissão de Alienação da Seção Judiciária do Tocantins (SJTO), mais de 300 bens foram avaliados como “irrecuperáveis” – termo formal para o material permanente danificado e que sua recuperação ultrapasse os 50% do seu valor de mercado.

Bens

São eles: aparelhos condicionadores de ar; aparelhos de fac-símile; aparelhos telefônicos; armários de aço; arquivos de aço; cadeiras de diversos modelos; carrinhos de transporte de processos; escada metálica; estabilizadores de voltagem; estantes de aço;  grampeadores de mesa; leitores de código de barras; mesas de diversos modelos; pedestal para microfone; poltronas de diversos modelos;   quadro de avisos; refrigerador de 280 litros;  relógios protocolizadores de documentos;  scanner;  ventiladores de coluna, entre outros.

VEJA TAMBÉM
Justiça Federal no Tocantins, nega acesso de paciente a medicamento contra câncer

Quem pode participar?

Podem participar instituições filantrópicas,  reconhecidas de utilidade pública pelo Governo Federal e organizações da sociedade civil de interesse público. A entidade interessada deverá protocolar ofício com o pedido de doação na sede Justiça  Federal de Primeiro Grau – Seção Judiciária do Tocantins, localizada na quadra 201 norte, conjunto I, lote 2-A, Palmas (TO).