Da Redação JM Notícia

Vítima está internada no UTI do Hospital Municipal Teixeira de Freitas e corre o risco de ficar paraplégica

Moradores de Teixeira de Freitas (BA) estão perplexos com o caso que aconteceu na última sexta-feira (20) quando um menino de 10 anos tentou estuprar sua vizinha de 9 anos. A garota reagiu ao abuso e foi baleada.

Socorrida no Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, a menina passou por uma cirurgia e está internada em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), correndo o risco de ficar paraplégica.

Moradores do bairro Tancredo Neves, periferia da cidade, as crianças são vizinhas e a mãe da menina autorizou que ela fosse brincar na casa do garoto. Segundo a imprensa local, o menino utilizou a arma do seu irmão de 17 anos para atacar a vizinha, o irmão é acusado de envolvimento com o tráfico.

O menino chegou a ser apreendido, mas foi liberado após prestar depoimento. O Conselho Tutelar irá acompanhá-lo. De acordo com o site Metropoles, o menino é órfão de mãe e vive com o pai e outros irmãos.

Pastora comenta os perigos da hipersexualização de crianças

Ao tomar conhecimento do caso, a pastora Sarah Sheeva usou suas redes sociais para mostrar os perigos da sexualização de crianças. Um menino de 10 anos sentindo necessidades sexuais e tomando uma menina, tão criança quanto ele, para ser vítima de seus desejos.

No alerta, a pastora pede para que não façamos vistas grossas para a hipersexualização das crianças que, no Brasil, chega através de música, programas de televisão e outros meios de entretenimento.

“Vocês veem o que está acontecem com as crianças? Isso é um ‘bombardeio cultural’ que estamos sofrendo há muitos anos, e está piorando muito por causa da rapidez (e facilidade de acesso) que as informações chegam pela internet até adultos e crianças”, pondera.

VEJA TAMBÉM
Médico Álvaro Ferreira é denunciado pelo feminicídio da professora Danielle Grohs

A pastora aproveita o momento para criticar aqueles que lucram com a sexualização, os que sobrevivem levando a sexualização através da erotização da mulher brasileira. “Quem trabalha erotizando a imagem da mulher no Brasil precisa rever seus conceitos rápido”, disse ela.

“Há uma nação sendo influenciada e seguindo o que está sendo ‘bombardeado’ por essa cultura! Cultura maligna que erotiza sem parar, que promove a iniciação sexual em crianças! Você está pronto pra responder por isso diante de Deus?”, questiona.

Irmãos, até quando vamos fazer vista grossa pra "hipersexualização" das mulheres no Brasil? Vocês vêem o que está acontecendo com as CRIANÇAS? Isso é um "bombardeio cultural" que estamos sofrendo há muitos anos, e está piorando muito por causa da rapidez (e facilidade de acesso) que as informações chegam pela Internet até adultos e crianças. Alguns se calam porque LUCRAM com essa "sexualização". Alguns fizeram disso O SEU SUSTENTO e seu meio de ENRIQUECER… e para "amenizar a culpa", alguns desses fundam ongs e obras sociais, contratam pessoas com alguma deficiência física, ou fora dos "padrões" sociais, usando inclusão social para mascarar seu trabalho "sujo". MAS NÃO ADIANTA NADA. Pra quem você trabalha? Pra Deus ou pro diabo? Seu trabalho agrada a Deus? Ou agrada ao inferno? Quem trabalha exotizando a imagem da mulher no Brasil precisa rever seus conceitos RÁPIDO, e analisar friamente se está pronto/pronta para ter suas obras julgadas no tribunal Celestial. Pois HÁ UMA NAÇÃO sendo influenciada e seguindo o que está sendo "bombardeado" por essa cultura! Cultura maligna que erotiza sem parar, que promove a iniciação sexual EM CRIANÇAS! Você está pronto pra responder por isso diante de Deus? Porque TODOS NÓS seremos julgados. Seu trabalho ajuda o Brasil? Ajuda a melhorar O QUÊ mesmo?? Seu trabalho promove prevenção dessa cultura PODRE? Ou contribui pra que essa cultura NOJENTA aumente ainda mais? Acorde enquanto há tempo para o arrependimento. @SarahSheeva #Brasil #ValeApenaServirADeus …………………………….. "Uma menina de 9 anos foi baleada nas nádegas na noite desta sexta-feira (20/04) em Teixeira de Freitas, no Extremo Sul da Bahia, por um menino de 10 anos que tentou abusar sexualmente dela. A vítima passou por cirurgia no Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, cujo Serviço Social informou que ela está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e o estado de saúde é grave. A vítima corre o risco de ficar paraplégica. O caso ocorreu no bairro Tancredo Neves, periferia da cidade. As crianças são vizinhas e a menina estava na casa do menino de 10 anos. O garoto utilizou uma arma do irmão de 17…." (Fonte: https://www.metropoles.com)

A post shared by Sarah Sheeva (@sarahsheeva) on