Da Redação JM Notícia

Previsão indicava que o Planeta X, não identificado pela NASA, se chocaria com a Terra

Estava marcado para ontem, dia 23 de abril, a coalisão entre a Terra e o Planeta X, também chamado de Nibiru, evento que segundo o  escritor norte-americano David Meade seria a causa para o fim do mundo.

A previsão do autor do livro “Planet X – The 2017 Arrival” para abril deste ano era uma releitura da previsão fracassada em 2017, aliás, duplamente fracassada pois ele sugeriu as datas para o fim do mundo nos dias 23 de setembro e depois 15 de outubro.

Meade mistura trechos do Apocalipse com a leitura das estrelas e faz um mapa que onde o alinhamento das estrelas forma uma mulher chorando. Esse alinhamento seria o início de uma série de desastres na Terra.

Mas os desastres não seriam capazes de acabar com o mundo da forma como conhecemos hoje, o fim viria pelo choque entre a Terra e o Planeta X, objeto que a NASA jamais identificou com seus equipamentos, mas que o escritor garante que existe e que está na rota de colisão. Com informações Fox News.