Da Redação JM Notícia

Caravana da Saúde chega amanhã ao Assentamento Matança (Foto: Divulgação)

Nesta sexta-feira, 11, a Caravana da Saúde, uma realização da Prefeitura de Porto Nacional, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, leva seus serviços à Matança, região formada também pelos assentamentos Almécega, Família Feliz e Bom Sucesso, zona rural do Município.

A ação terá início a partir das 7 horas, e proporcionará um dia de cidadania, facilitando o acesso das pessoas aos cuidados de saúde com atendimento multiprofissional capaz de oferecer consultas de enfermagem, médicas, odontológicas, psicológicas, exames de rotina, entre outros. Um atendimento com demanda livre, sem agendamento prévio.

A secretária municipal da Saúde, Anna Crystina Brito Bezerra, destacou que o diferencial da ação é ir ao encontro daqueles que não têm acesso ao atendimento médico em todos os ambientes.

“A Caravana da Saúde já teve mais de dez edições e é uma prioridade da gestão do prefeito Joaquim Maia de levar o cuidado em saúde para as pessoas que residem na zona rural, nos assentamentos, nas áreas de difícil acesso, ou seja, distante da cidade e da rede municipal de saúde”, enfatizou Brito.

VEJA TAMBÉM
MPE quer anulação de doação de área pública em Porto Nacional

A secretária explica ainda que durante o programa uma equipe multidisciplinar, formada por médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, e especialistas realizam consultas médicas e de enfermagem e ainda realizam alguns exames rápidos como o teste de HIV/sífilis e hepatites.

“Nesta ação também será feita a aferição da pressão arterial e da glicemia para ver como está o nível das doenças crônicas. Exame de tracoma também será realizado com a equipe da vigilância sanitária. No entanto, vamos levar também todos os imunes, as vacinas pra aproveitar os fluxos de pessoas que estarão sendo atendidas e atualizar o calendário vacinal. Vamos levar também campanha contra Influenza que é a campanha atual da gripe que está acontecendo em todo o município, tanto na zona urbana, quanto na zona rural”, completa.

Anna Crystina Brito Bezerra destacou também que os agentes comunitários da zona rural ajudam muito na divulgação, porque são eles que avisam a comunidade que residem na região para ter conhecimento sobre data e horário da ação.