Da Redação JM Notícia

Após se abrir nas redes sociais sobre a fase de depressão que vinha enfrentando, o rapper Pregador Luo lançou hoje a versão acústica da música “Minha alma é triste, mas é feliz”.

A música que faz parte do álbum Governe!, lançado pela Universal Music Christian Group em 2015, foi composta por Luo e fala como ele se sente em relação ao mundo.

“Aqui não conseguimos permanecer num estado de humor permanente. Sempre existe algo ou alguém que nos alegra ou entristece, assim como fatos e circunstâncias também o fazem. Viver é isso, estar sempre sujeito as emoções e à aleatoriedade do mundo. No meu modo de ver a vida, entendo que mesmo tendo dissabores e decepções, ainda temos mais motivos para sorrir e sermos felizes, graças a Deus”, explica o rapper.

No mesmo dia o Pregador Luo lança em seu canal da VEVO o clipe “Minha alma é triste, mas é feliz”, que foi dirigido por Toddy Ivon e gravado em São Paulo. O trabalho é um dos mais minimalista já lançado pelo artista. E ele diz que isso não é por acaso. “Decidi fazer a versão voz e violão por entender essa música como uma mensagem mais introspectiva.

VEJA TAMBÉM
“Não sentia paz na comercialização da fé”, diz Felipão após deixar o gospel

Apenas a voz e o violão deixaram a música mais minimalista possível, assim as pessoas podem se concentrar melhor na letra. Como já tínhamos a versão voz e violão decidimos também acrescentar algumas percussões para criarmos uma versão acústica. O clipe é simples, foi gravado em São Paulo e mais uma vez, preferi ser minimalista na produção. Espero que essa canção fale ao coração de pessoas depressivas ou melancólicas e que elas percebam que também temos oportunidades para sermos felizes”, manda o recado.

Assista: