Da Redação JM Notícia

Vereador Folha Filho deixa a sede da Polícia em Palmas após prestar depoimento

Após dois dias detido, o presidente da Câmara de Palmas, José do Lago Folha Filho foi liberado nesta quarta-feira (8) depois de prestar depoimento na sede da Polícia Civil. Na ocasião, Folha foi ouvido pelo delegado responsável pela segunda fase da Operação Jogo Limpo.

O advogado do vereador, Paulo Roberto, acompanhou o depoimento e destacou, “o delegado se deu por satisfeito e solicitou o alvará de soltura. Acho que houve um equívoco, mas a polícia faz seu trabalho e a gente respeita”.

Folha Filho teve o mandato de prisão decretado por conta de R$ 10 mil depositados em sua conta por uma das empresas investigadas na Operação Jogo Limpo que investiga o desvio de R$ 7 milhões da Prefeitura de Palmas.

Sobre o valor encontrado na conta do parlamentar, o advogado rebate e diz que Folha não se sujaria por R$ 10 mil. “Não acredito no indiciamento dele, até por que um cidadão que faz uma gestão na Câmara de Palmas que devolve mais de R$ 1 milhão para os cofres públicos, que economiza recursos, tem suas contas aprovadas, não se sujaria com R$10 mil”, disse o advogado na nota enviada à imprensa.