Da Redação JM Notícia

 

Nesta quinta-feira (25) o reverendo Caio Fábio foi preso em Brasília após decisão da Justiça sobre o chamado “Dossiê Cayman” que foi divulgado em 1998 causando grande impacto na política brasileira.

Caio Fábio foi apontado pelo Partido dos Trabalhadores (PT) como o criador de uma série de documentos que afirmavam que o então presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, e outros políticos do PSDB mantinham contas secretas nas Ilhas Cayman.

Acusado de calúnia, o religioso foi condenado em 2011 na 1ª instância pela Justiça Eleitoral, a quatro anos de prisão, mesmo sendo inocentado pelos depoimentos das vítimas.

Ao que parece o caso ou foi reaberto, ou passou para outras instâncias, e hoje Caio Fabio foi levado para a Papuda, onde cumprirá o regime semiaberto.

Segundo um áudio feito pelo próprio reverendo, ele mesmo se apresentou e seu advogado não entrou – até o momento do áudio – com nenhuma ação contra a decisão judicial.

“Eu mesmo estava absolutamente certo de que este era um processo vencido há muito tempo e acabado. Então com muita tranquilidade eu gostaria que vocês informassem ao pessoal da igreja o que aconteceu”, disse ele que lidera a igreja Caminho da Graça.

O JM Notícia está em contato com representantes de Caio Fábio, assim que tivermos novas informações atualizaremos a matéria.

Ouça o áudio de Caio Fábio compartilhado no WhatsApp:

15 Comentários

    • Fiquei sabendo há pouco. DEUS tem um propósito nisso tudo. Ta na hora de voltar a Evangelizar os PRESOS e LIBERTÁ-LOS da MALDITA TEOLOGIA da PROSPERIDADE!

  1. O QUÊEEE !!! Não é possível isso gente.
    Que país é esse ?! Absurdo uma coisa dessas. Ladrões soltos e inocente sendo preso.

    • ele não cometeu, todas as testemunhas deram depoimento e ele foi inocentado. ao meu ver é perseguição política, ele é um dos poucos que não se vendeu e fala o que pensa e o que sabe sobre a política brasileira.

  2. Queria saber o que há de tão forte em torno do Lula que foi o principal pivõ desse dossiê e ainda não está preso, pois pelo que sei ele (Lula) e quem foi atrás e buscou esses documentos falsos até conseguir e os apresentou a justiça na época. Que o Senhor realmente tenha misericórdia do nosso pais onde o certo tantas vezes e visto como errado e até punido enquanto os bandidos e loucos pelo poder continuam soltos de desfrutando de dinheiro roubado do povo Brasileiro. Triste e lamentável esta notícia…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here