Da Redação JM Notícia

Uma área do lago foi atingida por derramamento de esgoto e por conta disto a Praia de Porto Real, em Porto Nacional (TO), precisou ser interditada. O local está impróprio para banho e não há previsão para ser liberado.

A prefeitura do município declarou que resíduos de esgoto sanitário sem tratamento contaminaram a água. Esses resíduos saíram da estação elevatória de esgoto da BRK Ambiental, empresa responsável pelo tratamento de esgoto.

Para segurança, além de impedir os banhos no lago, a Secretaria de Planejamento, Regulação, Habitação e Meio Ambiente recomenda que os moradores também evitem realizar atividades esportivas ao redor da área interditada.

A BRK se comprometeu a tomar todas as medidas necessárias para sanar o problema, começando pelo isolamento da área e a contenção do efluente com uso de caminhões limpa fossa, a limpeza do espaço afetado e a comunicação aos órgãos competentes.

Fora isso, a empresa verifica se o derramamento do esgoto pode ter afetado a qualidade da água e do solo na região. Até que o problema seja resolvido, o espaço será monitorado pela BRK Ambiental.

VEJA TAMBÉM
Tour Marcha para Jesus irá percorrer cidades do Tocantins

Uma área do lago foi atingida por derramamento de esgoto e por conta disto a Praia de Porto Real, em Porto Nacional (TO), precisou ser interditada. O local está impróprio para banho e não há previsão para ser liberado.

A prefeitura do município declarou que resíduos de esgoto sanitário sem tratamento contaminaram a água. Esses resíduos saíram da estação elevatória de esgoto da BRK Ambiental, empresa responsável pelo tratamento de esgoto.

Para segurança, além de impedir os banhos no lago, a Secretaria de Planejamento, Regulação, Habitação e Meio Ambiente recomenda que os moradores também evitem realizar atividades esportivas ao redor da área interditada.

A BRK se comprometeu a tomar todas as medidas necessárias para sanar o problema, começando pelo isolamento da área e a contenção do efluente com uso de caminhões limpa fossa, a limpeza do espaço afetado e a comunicação aos órgãos competentes.

Fora isso, a empresa verifica se o derramamento do esgoto pode ter afetado a qualidade da água e do solo na região. Até que o problema seja resolvido, o espaço será monitorado pela BRK Ambiental.