Da Redação JM Notícia

Prefeito de Palmas, Carlos Amastha, tentará se eleger como Governador do Tocantins

Ao anunciar em seu Twitter que apresentou sua carta de renúncia na Câmara Municipal, o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, reavaliou esses anos que esteve à frente da capital tocantinense.

“São cinco anos de um trabalho incansável, mas de muito orgulho ao ver uma cidade transformada para melhor em todas as áreas, fruto de uma administração focada em fazer a cidade ser do palmense. Enfrentamos muitos desafios, inclusive a desconfiança de muitos que não acreditavam, primeiro na nossa vitória nas urnas e segundo no sucesso de nossa gestão”, disse.

Amastha lembrou que os resultados estão bem visíveis e mostram que, apesar dos desafios ainda a serem enfrentados, a política de modernização da gestão, a partir de critérios transparentes, colocou Palmas no lugar que ela merece estar, sendo referência nacional em áreas como educação e meio ambiente.

“O meu amor por Palmas e pelo Tocantins vai muito além da política, mas a experiência, como gestor e ser humano, à frente da Prefeitura, foi extremamente enriquecedora e me dá força para fazer ainda mais para a nossa Capital e nosso Estado”, lembrou Amastha.

VEJA TAMBÉM
Câmara derruba vetos ao Plano Diretor de Palmas, apenas dois são mantidos

O prefeito pretende deixar o cargo definitivamente no dia 3 abril, para isso prepara um evento com prestação de conta para acontecer às 8h45, no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho. No mesmo evento ele passará o comando da cidade para a vice-prefeita Cinthia Ribeiro.