Da Redação JM Notícia

O senador Magno Malta (PR) recebeu o convite para ser vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL-RJ), a união dos dois líderes políticos já era cogitada há alguns meses, tanto que o senador participou da filiação do deputado ao PSL.

Além de ser um nome forte na política nacional, Magno Malta também poderá aumentar o tempo de TV do PSL, pois o Partido Republicano poderá agregar 45 segundos ao tempo de Bolsonaro que, somente pelo seu partido teria menos de 10 segundos de propaganda eleitoral.

“Tenho conversado com o Magno não é de hoje. Acho um excelente parlamentar. E logicamente, se prosperar nossa ideia de disputar a convenção agora para presidente da República, o Magno Malta, se quiser somar conosco, da minha parte está fechado”, disse Bolsonaro ao jornal O Estado de São Paulo.

Os detalhes dessa parceria, porém, não foram acertados e não há informações de que o senador capixaba tenha aceitado ser vice de Bolsonaro. Em caso afirmativo, Magno Malta poderá aproximar Bolsonaro do público evangélico, uma vez que é um dos principais articuladores políticos do segmento.

VEJA TAMBÉM
Acompanhado por milhares em caminhada, Carlesse encerra campanha em Gurupi

Na semana passada, por exemplo, Magno Malta e Jair Bolsonaro visitaram o pastor Silas Malafaia. A visita já indicava que o pastor evangélico poderia aceitar apoiar a candidatura de Bolsonaro à Presidência.