Da Redação JM Notícia

Um grupo de manifestantes se reuniu na porta da casa do ministro Ricardo Lewandowski para pressionar o Supremo Tribunal Federal (STF) para aceitarem a prisão após condenação em segunda instância.

Aproveitando a data do Sábado de Aleluia, dia de malhar o Judas, o grupo criou bonecos com o rosto dos ministros do STF e criticavam palavras de ordem contra os ministros que podem salvar o ex-presidente Lula de ser preso.

Segundo os manifestantes, que seguem uma linha de pensamento semelhante a de muitos juristas, ao livrarem Lula da cadeia, daria abertura jurídica para que todos os condenados cujo o caso não esteja trânsito em julgado serão soltos. Assim, homicidas, estupradores, traficantes e outros criminosos poderiam se valer da decisão para conquistarem a liberdade.

Assista:

ATIVISTAS INDEPENDENTES MALHANDO O JUDAS NA CASA DO LEWANDOWSKI DO STF

Posted by Direita São Paulo on Saturday, March 31, 2018