Da Redação JM Notícia 

Ex-presidente petista tem até sexta-feira, 6 de março, para mudar seu domicílio eleitoral

A ex-presidente Dilma Rousseff vai mudar seu domicílio eleitoral para Minas Gerais, Estado por onde irá disputar uma vaga no Senado.

Hoje, 6 de março, é o último dia para fazer essa transferência. O Estado foi escolhido após pesquisas do Partido dos Trabalhadores apontarem que ela tem chances de ser eleita, além de poder disputar mais uma vez com o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que tentará reeleição.

Dilma nasceu em Minas Gerais, mas se mudou para o Rio Grande do Sul depois de ser presa pela ditadura e foi viver na terra do seu ex-marido Carlos Araújo, já morto.