Da Redação JM Notícia

O Procon do Tocantins emitiu uma determinação para que os postos de gasolina estabeleçam um limite de venda de 30 litros de combustível por carro e 10 litros por motocicleta.

A medida visa garantir que um número maior de pessoas possam abastecer seus veículos para os próximos dias, enquanto a greve dos caminhoneiros não é finalizada, liberando os caminhões que transportam combustível de fazer as entregas normalmente.

Nesta terça-feira (29), uma força-tarefa envolvendo a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar permitiu que 25 caminhões foram escoltados até a base de distribuição, em Luzimangues, e de lá fossem escoados para três cidades: Palmas, Araguaína e Gurupi.

Em Palmas alguns postos passaram a receber combustível na tarde de terça, em Araguaína e Gurupi o abastecimento chegou na madrugada e os postos foram abastecidos para poderem comercializar gasolina, álcool e diesel para os moradores.

A cidade de Formoso do Araguaia contou com um caminhão particular que também estava parado no bloqueio, mas com a ajuda da polícia conseguiu chegar ao seu destino e fez o abastecimento da cidade.