Da Redação JM Notícia

Ângela chegou a desfilar seminua no Carnaval, mas hoje prefere roupas mais comportadas

Convertida há dois anos, Ângela Bismarchi mudou diversas áreas da sua vida, inclusive a vida íntima como ela revelou recentemente ao UOL. Em outras palavras, a ex-modelo passou a praticar o que ela chama de “sexo cristão” e promete lançar um livro e dar palestras sobre este assunto nas igrejas.

 “A gente procura fazer amor nos preceitos da palavra, um respeitando a vontade do outro. Deixou de ser carnal e passou a se tornar mais espiritual”, declarou ela que é casada há 14 anos com o cirurgião plástico Wagner de Moraes.

Ela revelou ainda que tem posições sexuais que ela não aceita mais fazer e seu esposo respeita sua decisão. “Eu procuro fazer o que me agrada. E o meu marido respeita a minha vontade. Tem certas posições [sexuais] que não faço mais”, declara ela ao falar sobre sexo anal.

Em 2011, Ângela Bismarchi chegou a lançar um livro sobre relacionamentos,  “Os 10 Mandamentos Do Amor”, mas hoje ela diz que não recomendaria uma de suas lições que foi fazer sexo todos os os dias. “Isso de fazer sexo todo dia, eu já não penso assim. Quando se está jejuando, não é possível. Você vai fazer sexo quando tem um clima, uma vontade”.

VEJA TAMBÉM
Ex-presidente de escola de samba se converte em Manaus

Questionada sobre ser pecado usar fantasias, a ex-modelo diz que não e que aceita se fantasiar para seu marido. “Eu aceito. O homem é movido pelo olhar, precisa de estímulo. Ele olha para a mulher e o tesão vem. Se a mulher não tiver aquela sensualidade, não rola. Como o homem vai ter tesão?”, declarou ela ao UOL.