Da Redação JM Notícia

Na tarde desta quinta-feira, 14, durante reunião da Comissão de Finanças, Tributação, Fiscalização e Controle, foi aprovado por unanimidade o Projeto de Lei referente a criação do Fundo Municipal de Segurança da Guarda Metropolitana de Palmas. O vereador Milton Neris (PP), membro da Comissão, defende a classe e afirma sua luta para garantir aquilo que é de direito.

O vereador recorda que há mais de 5 anos a Guarda Metropolitana não recebe promoção, e a cerca de um ano e seis meses o pagamento das progressões está em atraso. “A prefeitura precisa pagar o que está em atraso. A legislação é clara, a Guarda deve ter o reconhecimento devido, no meio que engloba, que é a segurança pública”.

Milton relembrou quando a Secretaria de Finanças esteve na Casa para prestação de contas do quadrimestre e passou recursos em caixa de 2017 na ordem de mais de 40 milhões de reais, com limite prudencial com margem para poder pagar a categoria. “Me entristeço com isso, uma vez que tem limite e dinheiro em caixa, a prefeitura tem a obrigação de pagar esses servidores”.

VEJA TAMBÉM
Índice de confiança dos empresários palmenses é o mais alto dos últimos 12 meses

O Projeto já foi apreciado pela Comissão de Constituição e Justiça, aprovada pela Comissão de Finanças, e sendo encaminhado para Comissão de Segurança Pública, para assim ir para reta final, que é aprovação pelo Plenário.

Participaram da reunião o presidente do Sindicato da Guarda Metropolitana de Palmas – SIGMEP, Fernandes, inspetores da Guarda e representantes da classe.