Da Redação JM Notícia

A cantora Daniela Araújo foi entrevistada pelo programa “Promessa no G1” nesta quinta-feira (21) e falou sobre os áudios vazados que revelaram seu vício em drogas.

Por conta do escândalo, a artista ficou dez meses afastada dos palcos e agora retorna com o lançamento do single “Ruídos”, canção autoral que fala desse período de reclusão que ela vivenciou.

“Não é bom ter uma vida dupla e nem se vitimar. É preciso se assumir. O certo é ser humilde, admitir o erro e buscar ajuda”, declarou a cantora.

Sem falar abertamente sobre o uso de drogas, Daniela declarou que “já se retratou com Deus e que Ele já a perdoou”. Ele ficou alguns dias na Estância Paraíso, um espaço de oração liderado pela pastora Ezenete Rodrigues, da Batista da Lagoinha, que oferece cursos de intercessão.

Ela diz que ficou dois meses desse espaço, recebendo acompanhamento psicológico, psiquiátrico e espiritual e revelou que as pessoas agora verão seus frutos.

Em outro momento da entrevista, Daniela declarou que foi obrigada a procurar ajuda, citando os áudios vazados por seu ex-namorado. Em um momento da entrevista, a cantora também culpa a religião por pressionar de mais os jovens.

VEJA TAMBÉM
Aline Barros apresenta projeto infantil "Imaginaline" em CD e DVD

Divórcio com Leonardo Gonçalves

Daniela Araújo e Leonardo Gonçalves foram casados, mas o casamento não deu certo e o divórcio foi inevitável, como a cantora declarou durante o programa.

“Só quem passa por um divórcio sabe o quanto dói e não desejo isso para ninguém. Mesmo eu e o Léo sofrendo tanto, a gente conseguiu superar. Infelizmente, não deu certo. Ninguém se casa para separar. Eu era muito imatura, mas faria tudo de novo”, declarou ela.

A cantora disse ainda que mantém uma boa relação com o cantor e que ainda são amigos, mas não há nenhuma chances deles voltarem.