Da Redação JM Notícia

O deputado estadual Eli Borges (SD) recebeu na manhã desta quarta-feira (27) o título de Conselheiro Honorário do Conselho Estadual sobre Drogas do Tocantins (CONESD-TO).

A honraria se dá por conta dos recursos enviados pelo parlamentar para o Fundo Estadual sobre Drogas do Tocantins, um assunto que o parlamentar faz questão de ajudar por entender a importância de ajudar os dependentes químicos.

“Um projeto como esse tinha que atingir 100% das escolas”, declarou Eli Borges ao entender que as crianças e adolescentes precisam ter acesso a políticas antidroga.

“Está faltando a orientação”, declarou ele se referindo à importância da família. Seus pais o ensinaram a não beber e nem fumar, e ele seguiu esse exemplo de orientação e repetiu isso com seus filhos.

É por acreditar na recuperação de pessoas que ele destina suas emendas parlamentares para projetos de ressocialização de dependentes químicos. “Não faço isso por política, mas por dever”, declarou Eli Borges.

Eli Borges lista as ações da política sobre drogas

VEJA TAMBÉM
Otoni de Paula comenta caso de Daniela Araújo: “Vai se tratar e os que te amam esperam a sua volta”

Falando sobre o combate às drogas, o deputado estadual Eli Borges listou algumas ações que devem ser feitas em conjunto para impedir que cada vez mais pessoas sejam levadas pelo vício.

A primeira delas é o apoio da família. “Na parte preventiva é preciso ter políticas públicas voltadas para a família. A família é extremamente importante”.

O segundo passo seria a aplicação de recursos. “É preciso aumentar os recursos e na parte que me compete eu sou o deputado campeão de emendas voltadas para o combate às drogas”, declarou.

Eli Borges entende que é preciso de quatro passos no combate as drogas: prevenção, tratamento, repressão e reinserção.

Na sua visão, o Conselho Estadual sobre Drogas do Tocantins tem desenvolvido um projeto muito bonito e, por isso, ele adotou esse projeto como uma bandeira de defesa parlamentar.