Da Redação JM Notícia

Evangélicos poderão ter pelo menos dois candidatos a deputado federal no Tocantins

Na eleição de outubro, os cristãos do Tocantins poderão escolher pelo menos dois nomes para votarem para deputado federal, de acordo com as últimas informações de bastidores. Um dos nomes é o deputado e pastor da Assembleia de Deus Eli Borges (SD).

O partido Solidariedade quer Eli Borges na Câmara dos Deputados. Ele já foi vereador de Palmas e está em seu quarto mandato na Assembleia Legislativa. No início deste mês, a Convenção Ciadseta no Tocantins declarou que irá apoiar Eli Borges tanto à reeleição, quanto a deputado federal.

O outro nome que está na iminência para ser candidato a deputado federal é o vereador Filipe Martins, do PSC. O partido PSC trabalhava o nome do deputado estadual Osires Damaso à Câmara dos Deputados, entretanto, Damaso que é o presidente do PSC no Estado, está sendo cotado para disputar uma cadeira ao Senado, em uma possível chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB).

Com ascensão de Damaso ao Senado, o PSC pretende lançar Filipe Martins a deputado federal, que deve sair com o apoio da Convenção Madureira no Estado.

VEJA TAMBÉM
Governo do Tocantins propõe desligamento voluntário e redução de jornada para cortar gastos

Apesar dessas movimentações, nenhum dos referidos nomes já se manifestaram afirmando que vão disputar uma cadeira na Câmara dos Deputados.

Madureira

Quem pode sair a deputado estadual é o ex-vereador de Palmas, pastor João Campos, secretário executivo da Convenção de Madureira no Tocantins. Campos é atualmente suplente de deputado federal.