Da Redação JM Notícia 

Evangélicos se manifestam contra o aborto na Argentina

No último sábado (4) as igrejas evangélicas da Argentina se uniram em uma manifestação contrária ao aborto que levou milhares de pessoas às ruas, na tentativa de pressionar o Senado que votará na próxima quarta-feira (8) sobre a legalização da interrupção da gravidez.

Com o lema “Salvemos as duas vidas”, os evangélicos se concentraram no centro Buenos Aires onde levantaram cartazes e fizeram declarações contrárias ao aborto.

Para os organizadores da manifestação, “o aborto é uma prática criminosa e não uma política de saúde, como se tenta instalar”.

Aprovado na Câmara dos Deputados, o projeto pode ser reprovado no Senado que é formado por políticos mais conservadores. De maioria católica, a Argentina tem debatido um dos assuntos mais polêmicos e que divide a sociedade.

Josefina Blanco, uma das manifestantes, disse à Agência AFP que está segura que a proposta será rejeitada pela maioria dos senadores. “Duvido que se aprove a lei porque é um atropelo à nossa Constituição e sei que os senadores não vão permiti-lo. A Argentina é pró-vida”,  declarou. Com informações Aleteia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here