Da Redação JM Notícia 

Folha Filho é presidente da Câmara de Palmas 

Na noite desta segunda-feira (6), o presidente da Câmara Municipal de Palmas, vereador José do Lago Folha Filho (PSD), se entregou à Polícia após ficar três dias como procurado. O parlamentar é acusado de receber parte do dinheiro desviado da Prefeitura de Palmas, um esquema que causou mais de R$ 7 milhões de prejuízo aos cofres públicos.

Folha teve o mandato de prisão expedido na última sexta-feira (3) quando a Polícia Civil iniciou a segunda fase da Operação Jogo Limpo. Além dele outras 25 pessoas tiveram a prisão temporária decretada, incluindo os vereadores Rogério Freitas (MDB) e Major Negreiros (PSB).

Segundo a investigação, empresas fantasmas emitiam notas frias para justificar serviços não prestados à Fundação Municipal de Esporte e Lazer (Fundesportes) e à Secretaria de Governo e Relações Institucionais da capital. Os valores eram repassados a empresários, servidores, políticos e familiares.

Folha Filho teria recebido R$ 10 mil de uma das empresas investigadas. Em seu depoimento, o presidente da Câmara de Palmas declarou que não autorizou que depositassem qualquer valor em sua conta e negou qualquer envolvimento com o esquema de corrupção.

Após passar pelo Instituto Médico Legal, Folha Filho  foi levado para a  Casa de Prisão Provisória de Palmas. A expectativa é que ele seja liberado assim como aconteceu com os demais detidos na operação. O vereador Rogério Freitas já ganhou liberdade e Major Negreiros continua sendo considerado foragido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here