Da Redação JM Notícia

Pastor João Milton Moreira, presidente da Assembleia de Deus Madureira em Araguaína – Foto: Ricardo Costa

A glória de Deus impactou o Glaumor do Lago neste domingo (26), em Araguaína,  durante a realização de mais uma ENOADA – Encontro de Obreiros da Assembleia de Deus Madureira, presidida pelo pastor João Milton Moreira.

Na ocasião, mais de 1.700 pessoas se reuniram no evento para ouvirem a ministração da palavra de Deus, entoar louvores e participarem da grande celebração da Santa Ceia do Senhor Jesus, que foi uma das ordenanças de Cristo, momentos antes Dele entregar a sua vida para ser sacrificado na Cruz do Calvário.

Pastor Amarildo Martins, presidente da Assembleia de Deus Madureira do Tocantins e Maranhão – Foto: Ricardo Costa

A ministração da palavra de Deus foi feita pelo presidente da CONEMAD-TO/MA – Convenção da Assembleia de Deus Madureira do Tocantins e do Maranhão, pastor Amarildo Martins, que também é o 5º vice-presidente Nacional das Assembleias de Deus no Brasil, que abordou entre os vários assuntos, a necessidade da santificação e a volta do Senhor Jesus. Ele ainda parabenizou o campo de Araguaína, obreiros, membros pela pela organização do evento. Após a ministração, sete pessoas se reconciliaram com Cristo.Já o pastor João Milton Moreira, muito emocionado, se dirigiu aos cristãos do evento, e lembrou do momento em que dirigia uma pequena congregação de apenas 06 “crentes”: “Irmãos, preguei muitas vezes somente para a minha esposa. É por isso que ela está crente”, brincou o pastor ao ressaltar o crescimento da AD Madureira em Araguaína, que conta com mais de três mil evangélicos: “A glória aqui é para Ele, Jesus, mas, sem os obreiros, sem vocês, não podemos nada”, disse o pastor João Milton.

VEJA TAMBÉM
Projeto de Lei de autoria do vereador Neto Pajeú institui Dia do Cantor Gospel de Araguaína
Momento de celebração da Santa Ceia do Senhor Jesus

Ainda durante o evento, participaram da festividade diversos dirigentes de congregações do campo, além da participação de lideranças políticas.

Vídeo: