Da Redação JM Notícia

As unidades habitacionais são resultado de parceria entre o Governo do Estado e Governo Federal, por meio da Caixa Econômica

Nesta quarta-feira (12), o Governo do Estado entregou 84 apartamentos do Residencial Saturno, em Palmas, que fazem parte do programa do programa Minha Casa Minha Vida 2, beneficiando famílias de baixa renda.

As unidades habitacionais são resultado de parceria entre o Governo do Estado e Governo Federal, por meio da Caixa Econômica. Na parceria, o Governo do Estado entrou com a doação da área, possibilitando, assim, diminuir o custo do imóvel, a redução de taxas, dos juros subsidiados, e facilitando as condições de financiamento com a Caixa Econômica Federal.

Para Rafael Pessoa Garcia, que também foi beneficiado pelo programa, a conquista da casa própria marca um novo ciclo em sua vida. “Agora eu saio da casa dos meus pais, vou ter a minha própria casa. Início uma nova trajetória dentro da minha vida. Isso está sendo muito importante, muito valioso, essa independência. Foi uma caminhada de muita economia e planejamento, mas que compensa bastante”, ressaltou.

Atualmente, o Minha Casa Minha Vida 2 atende pessoas com renda de R$ 4.000 até R$ 6.500, em especial os servidores públicos estaduais. O programa prevê a construção de 1.400 unidades habitacionais em diversas regiões de Palmas. O Tocantins foi o primeiro Estado a criar uma linha de financiamento habitacional para servidor público estadual e municipal, tornando-se pioneiro neste modelo.

VEJA TAMBÉM
Estado e Banco da Amazônia assinam Protocolo que disponibiliza R$ 1 bilhão para investimentos no Tocantins

De acordo com o presidente da Terratins, Aleandro Lacerda, uma nova fase do programa Minha Casa Minha Vida 2 já está em fase de homologação. “São 392 unidades, ao todo, dessa primeira etapa, com a entrega de hoje, já são 224 famílias com o seu apartamento e ainda falta entregarmos 168, dessa primeira etapa. E nós estamos agora em fase final de homologação de uma segunda etapa, com mais 350 apartamento para faixa 2 [de R$ 4.000 até R$ 6.500] e cerca de 600 apartamentos para faixa 1,5 [R$ 1.800 até 2.600]”, destacou.

Os apartamentos entregues nesta quarta-feira, 12, possuem uma área de 61,31 m² de área privativa, dois quartos, sendo uma suíte; banheiro social, com espaços adaptáveis para pessoas com necessidades especiais; cozinha americana; área de serviço; sacada; laje técnica; vaga de garagem; salão de festas; playground e espaço para biblioteca.