Da Redação JM Notícia 

Depois das denúncias feitas pela imprensa, o secretário de Saúde do Tocantins, Renato Jaime, esteve nesta quarta-feira (19) no Hospital Regional de Araguaína para verificar a situação da infestação de ratos.

Jaime negou que o problema seja causado por lixo acumulado e culpa a BRK Ambiental que é responsável pelo sistema de esgoto da cidade. “Identificamos uma obra de esgoto em que houveram [SIC] abertura de valas, caixas, tubulações que também ficam do lado do lixo em que foi identificado”, disse.

O secretário afirmou ainda que pediu à prefeitura para fazer uma varredura na região. “Às vezes o problema é de fora e vem para dentro”, completou Renato Jaime.

Ele confessou que o Governo do Estado estava com problemas na coleta do lixo, mas assim que Carlesse assumiu, resolveu o problema. “O lixo está sendo recolhido regularmente, foi uma situação que encontramos quando nós assumimos o governo há 90 dias. Existia um pendência de pagamento de fornecedores, realmente teve aquele problema, mas nós resolvemos rápido”.

VEJA TAMBÉM
MPE aciona BRK Ambiental pelo fornecimento de água com pouco cloro e excesso de manganês em Araguaína

A BRK, por sua vez, declarou que repudia a declaração do secretário, dizendo que suas obras de saneamento básico contribuem para o bem da população.