Da Redação JM Notícia

Eyshila conheceu Michelle Bolsonaro quando foi ministrar na ADVEC da Barra da Tijuca. A esposa do candidato à presidência é evangélica

A cantora Eyshila usou suas redes sociais para defender o candidato Jair Bolsonaro e declarar seu apoio ao presidenciável do PSL que tem sido alvo de uma campanha liderada principalmente por artistas mulheres que o chamam de machista.

Eyshila usou a história de como conheceu a esposa do candidato, Michelle Bolsonaro, para dizer que o parlamentar não é o que falam sobre ele.

A cantora declara que foi se apresentar uma vez na Assembleia de Deus da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e entre as voluntárias que estavam servindo o jantar para recepcioná-la estava Michelle, que em nenhum momento se apresentou como esposa de um deputado.

“Uma mulher simples, educada, amorosa, cristã e muito, muito bem resolvida em sua vida sentimental. Ela não é nem de longe uma mulher mal amada, maltratada, desprezada ou espancada pelo marido. Ela tem uma filha linda desse casamento que também é apaixonada pelo pai”, testemunha Eyshila.

Elas se encontraram novamente este ano, desta vez em um evento para mulheres organizado em Brasília pela Comunidade das Nações. “Ela também não tinha manchas roxas no corpo, nem parecia uma mulher mal amada”, reforça Eyshila.

VEJA TAMBÉM
Rio de Janeiro tem quatro candidatos evangélicos disputando as vagas do Senado

A cantora pede para que as mulheres despertem e não sejam influenciadas pela mídia que não quer a mudança da nação brasileira e declara seu voto no candidato usando a hashtag #EleSim.

Leia na íntegra:

Certa noite eu fui cantar na @advecbarra e, no final do culto, como de praxe, os irmãos fizeram um jantar para nos…

Publicado por Eyshila em Terça-feira, 25 de setembro de 2018