Port Chris Bolinger

Se você é cristão há algum tempo, então lhe foi dito, encorajado e até implorado para ler sua Bíblia regularmente, de preferência todos os dias. Mas você pode não ter sido informado do porquê.

Aqui estão quatro razões para ler sua Bíblia regularmente.

1. Ler a Bíblia aproxima você de Deus.

Deus se revela a nós de muitas maneiras, incluindo o mundo ao nosso redor. Como Paulo escreveu, os “atributos invisíveis de Deus, a saber, seu eterno poder e natureza divina, foram claramente percebidos, desde a criação do mundo, nas coisas que foram feitas” (Romanos 1:20, ESV).

Mas a maneira principal que Deus se revela para nós é através da Bíblia. O Antigo Testamento nos mostra que Deus nos criou à Sua imagem, nos ama e, apesar de nos rebelarmos – e continuarmos a nos rebelar – contra Ele, quer que nos reconciliemos com Ele. Uma e outra vez no Antigo Testamento, Deus demonstra que ele é paciente conosco e fiel em guardar suas muitas promessas para nós.

O Novo Testamento conta a história de Jesus e os primeiros dias da igreja cristã. No início e no final do seu evangelho, o discípulo João explica por que o Novo Testamento foi escrito. Ele descreve Jesus como a Palavra de Deus, que “se fez carne e habitou entre nós” (João 1:14, ESV). João e outros escritores do Novo Testamento registraram algo do que Jesus disse e fez para que, ao lê-lo, “você acredite que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e que, crendo, tenha vida em seu nome” ( João 20:31, ESV).

Leia também

Aplicativo de música gospel lança versão de Bíblia falada

Autoridades do Uzbequistão perseguem cristãos aplicanto multas e confiscando Bíblias

Quanto mais você ler a Bíblia, melhor você conhecerá a Deus. Quanto melhor você conhecer a Deus, mais você deseja se comunicar com Ele e segui-lo.

2. A Bíblia é o manual perfeito para a vida diária.

David descreve a Palavra de Deus como “lâmpada para os meus pés e luz para o meu caminho” (Salmos 119: 105, ESV). Seja qual for o caminho em que você está, a Bíblia pode mostrar os passos certos a seguir. É o guia prático perfeito para se viver, por motivos que incluem:

  • Sabedoria: A Bíblia é carregada de sabedoria. Salomão, que orou por sabedoria e usou-a para liderar Israel, fornece uma riqueza de sábios conselhos em vários livros do Antigo Testamento. Os Evangelhos registram os ensinamentos de Jesus, que até os críticos consideram um professor sem igual.
  • Mandamentos:  O Antigo Testamento inclui a Lei, muito do que são mandamentos de viver uma vida que agrada a Deus. Muitas das parábolas de Jesus deram uma nova perspectiva sobre esses mandamentos para combater as falsas interpretações que surgiram com o tempo.
  • Fundamentação da petição:  Além de fornecer regras sólidas para viver, a Bíblia explica por que Deus nos deu essas regras.
  • Consequências:  Por que você deve seguir as instruções de Deus? A Bíblia está cheia de histórias de pessoas que fizeram ou não e as conseqüências de suas ações.

Em sua segunda carta a Timóteo, Paulo escreve que toda a Bíblia “é inspirada por Deus e proveitosa para ensinar, repreender, corrigir e treinar em retidão, para que o homem de Deus seja completo, equipado para toda boa obra “(2 Timóteo 3: 16-17, ESV). Fala de estar equipado para um bom trabalho.

3. Ler a Bíblia regularmente melhora seu comportamento.

A leitura regular da Bíblia melhora o seu comportamento. De fato, o engajamento das escrituras – ou a frequência com que você lê sua Bíblia – é uma previsão mais confiável do comportamento moral do que as medidas tradicionais de espiritualidade, como a freqüência à igreja e a oração.

Esta revelação vem de uma pesquisa conduzida por Arnold Cole, Ed.D. e Pamela Caudill Ovwigho, que liderou o Centro de Engajamento Bíblico e realizou pesquisas on-line de mais de 100.000 pessoas. Suas análises estatísticas revelam que, controlando outros fatores – como idade, sexo, frequência à igreja e oração – os cristãos que lêem a Bíblia quatro ou mais dias por semana têm menos chances de abusar do álcool, fazer sexo fora do casamento, ver pornografia, e jogos de azar. Aqui estão as descobertas:

  • Ficar bêbado: chances 57% menores
  • Ter relações sexuais extraconjugais: probabilidades 68% mais baixas
  • Vendo pornografia: chances 61% menores
  • Jogos de azar: probabilidades 74% mais baixas

Ler sua Bíblia com mais frequência não só faz com que você se envolva menos em comportamentos de risco, mas também aumenta a probabilidade de você compartilhar sua fé e discipular os outros. Cristãos que lêem suas Bíblias pelo menos quatro dias por semana são duas vezes (230%) mais propensos a compartilhar sua fé e discipular outros do que os cristãos que lêem suas Bíblias com menos frequência.

4. A Bíblia encoraja e fortalece você.

Quando você está estressado, lutando, abatido, frustrado, desanimado, irritado ou sofrendo, você provavelmente não está muito interessado em aprender mais sobre Deus, obter conselhos sobre o que fazer ou melhorar seu comportamento. Você quer conforto. Resseguro. Força. Paz. Esperança.

Tudo o que você precisa, e sempre que você precisar, a Bíblia fornece isso. Às vezes chamada de “carta de amor de Deus para nós”, a Bíblia nos lembra que Deus nos criou à Sua imagem e nos ama profundamente, mesmo quando vagamos ou fugimos dEle.

Nenhuma surpresa aqui

O fato de que ler a Bíblia regularmente pode ter um impacto tão positivo sobre nós não deveria nos surpreender. Afinal, a Palavra de Deus é descrita como “viva e ativa” e afiada o suficiente para “dividir [a] alma e espírito, juntas e medulas” (Hebreus 4:12, NVI). Tiago diz que “a palavra implantada” pode “salvar as vossas almas” (Tiago 1:21, NIV), e Deus diz em Isaías que Sua Palavra “não retornará a mim vazia, mas realizará o que desejo e alcançará o propósito de que eu enviei “(Isaías 55:11, NVI).

A Bíblia é um presente muito bom de um Deus muito bom.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here