Da Redação JM Notícia

Imagem retirada de um vídeo compartilhado via WhatsApp

Presos do presídio de Barra da Grota, em Araguaína, fizeram uma rebelião na tarde desta terça-feira (2) e conseguiram deixar o local fazendo reféns pelas ruas do bairro, causando grande terror.

Vídeos e áudios compartilhados pelo WhatsApp afirmam que uma professora foi feita refém, pois a rebelião começou a sala de aula da unidade.

Também é possível ver nos vídeos os presos passando pelas ruas e levando consigo alguns reféns, entre eles agentes penitenciários, que eles foram atraindo durante o percurso.

As polícia Militar e Civil foram deslocadas para o local.  Em breve mais informações sobre o caso.

Nota à Imprensa:

A Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), pasta responsável pela gestão do Sistema Penitenciário Prisional (Sispen), comunica que alguns reeducandos da Unidade de
Tratamento Penal Barra da Grota (UTPBG), em Araguaína, iniciaram um motim na tarde desta terça-feira (02), inclusive fazendo servidores reféns. 
As forças de Segurança do Estado, juntamente com agentes do Sispen, estão atuando neste momento na unidade no sentido de retomar a normalidade. 
Assim que houver informações concretas a respeito da situação da unidade, a secretaria irá informar à imprensa e a sociedade tocantinense.