Da Redação JM Notícia

Nesta sexta-feira (5) o Estado do Tocantins completa 30 anos de emancipação política e administrativa. São três décadas que o norte de Goiás passou a se identificar como um Estado, tendo suas particularidades, cultura e também desafios.

Hoje dividido entre 139 municípios, a população tem percebido mudanças significativas em suas cidades e no Estado, que tem se tornado uma das principais economias da região Norte.

Com o agronegócio desenvolvido, o estado mais novo do país ocupa hoje a 11ª posição entre os estados que mais expandiram neste setor, tendo para 2018 a previsão do PIB em aproximadamente R$ 32,3 bilhões.

Em termos culturais, Tocantins conta com uma cultura popular muito rica, com manifestações seculares que refletem seu processo de formação e um amplo calendário de eventos. Festas populares e religiosas fazem parte do calendário oficial e marcam a identidade do povo tocantinense.

Desafios

Apesar de muitas conquistas, para os próximos anos o Estado tem vários desafios a enfrentar. O principal deles relacionado a administração pública. Só com gasto com pessoal, o Estado usa 58,22% do que arrecada. Administrar as contas públicas será um grande desafio para o próximo governador.

Outros pontos a serem superados são a falta de infraestrutura. A começar pelo saneamento básico, apenas 62 municípios possuem um plano de saneamento.

Estradas que precisam de reparos e asfalto de qualidade, para ajudar a reduzir o número de acidentes, pontes seguras para ligar povoados isolados às cidades, entre outras obras urgentes e necessárias para trazer melhorias.

Na Saúde os desafios são reduzir a fila de cirurgias, oferecer leitos de UTI adulto e infantil, e melhorar as instalações dos hospitais.

Na educação, o maior desafio é na oferta de creches. Só na Capital há mais de 3 mil crianças esperando por vagas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here