Da Redação JM Notícia

Primeira ministração foi na Igreja Batista Nova Jerusalém, no Rio de Janeiro (Foto: Reprodução Instagram)

Através de suas redes sociais, a pastora Ludmila Ferber comunicou que estará abrindo sua agenda para voltar a pregar e cantar em igrejas. Seus médicos a liberaram para retomar as atividades, após seis meses de afastamento.

Tratando de um câncer no pulmão, a pastora ficou alguns meses sem se apresentar, cuidando de sua saúde e também se dedicando a gravação de um novo CD.

“Já estou liberada pelos médicos a voltar com minha agenda de ministrações, o que já é uma vitória de Deus”, disse ela em um vídeo.

O tratamento continua e Ludmila afirma que está “no caminho do milagre” e agradece a todos pelas orações e apoio durante este período.

“Quero, aqui, mais uma vez agradecer todo suporte de oração e clamor que vocês tem feito em meu favor, por um milagre de cura. Quero pedir que continuem orando”, declarou.

Assista:

Seis meses afastada

Já neste domingo (21) ela esteve ministrando na Igreja Batista Nova Jerusalém, no Rio de Janeiro, e falou sobre como se sentia em voltar a ministrar: “Nesses seis meses que eu não pude estar no melhor lugar da minha vida, fazendo o que eu mais amo, que é ministrar, eu não saí do altar. Mesmo não podendo servir a Deus, eu continuo sendo filha e Ele continua me servindo”.