Da Redação JM Notícia 

O deputado Sargento Isidório, eleito a federal pelo Estado da Bahia, pegou seus eleitores de surpresa ao afirmar que apoiará Fernando Haddad (PT) no segundo turno da eleição presidencial,  fazendo duras críticas ao candidato do PSL,  Jair Bolsonaro,  que tem apoio de militares e evangélicos,  dois grupos que ele representa.

Filiado ao partido de Ciro Gomes,  o deputado evangélico mantém a  Fundação Dr. Jesus que apenas nos anos de 2015 e 2016, segundo apurou o site Bahia.ba, recebeu R$ 12,37 milhões  do governo Rui Costa (PT).

Os dados estão no portal da transparência do estado e para o site local o deputado confirmou os repasses de verbas públicas para sua fundação que trata de dependentes químicos. Segundo ele, foi uma “ajuda de mais ou menos R$ 3,5 milhões para pagar funcionário” e “mais R$ 9 milhões”, referentes a “cursos profissionalizantes”, mas não especificou o período.

O site Bahia.ba apurou no Portal da Transparência da Bahia que foram R$ 5,98 milhões pagos em 2015 e outros R$ 6,39 milhões entre janeiro e agosto de 2016. A Fundação Dr. Jesus recebeu R$ 8,37 milhões em 2014 e R$ 3,2 milhões em 2013.

VEJA TAMBÉM
Evangélicos e católicos se unem para aumentar número de cristãos no Congresso