Da Redação JM

Dia 31 de outubro de 1517 foi a data escolhida por Martinho Lutero para divulgar suas 95 teses contra o papa e a Igreja Católica. Era o início da Reforma Protestante, que gerou o movimento evangélico.

Pregadas na porta da Catedral da cidade Wittenberg, Alemanha, os argumentos do ex-monge Lutero não pediam que a Igreja se dividisse, mas que passasse por uma reforma teológica, abandonando práticas que contrariavam as Escrituras Sagradas. Rejeitadas pelo Vaticano, foram o início do que seria mais tarde a Igreja Luterana.

Entre as propostas de Lutero estava a de traduzir a Bíblia para que todos pudessem conhecer a Palavra de Deus. Até então isso era privilégio do clero. Foi uma verdadeira revolução no cristianismo. Lutero baseava-se em “5 pilares” que são usados até hoje para definir a fé protestante: “Somente a Escritura, somente a Fé, somente a Graça, somente Cristo e Glória somente a Deus”.

+ “Há uma nova geração de pioneiros e reformadores surgindo na Terra”, diz pastor americano

Os ideais se espalharam pela Europa e encontraram eco em vários movimentos similares. Essa é a raiz das igrejas evangélicas que se espalham por todo o mundo até hoje. Embora pouco divulgada pelas igrejas no Brasil, o fato é que a Reforma ajudou a mudar a história.

Prestes a completar cinco séculos, a Reforma continua inspirando milhares de cristãos no mundo inteiro

Pastores celebram

O último Censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) – de 2010 – concluiu que a perda de fiéis católicos, que era cerca de 1%, aumentou acentuadamente, enquanto o aumento notável de evangélicos continuou a crescer bastante.

O número de cristãos evangélicos no país cresceu 61% em 10 anos. Havia, em 2010, 42.310.000 evangélicos no Brasil, 22,2% da população.

500 anos da Reforma Protestante e seus benefícios para a sociedade ocidental

Fiéis protestantes comemoram nas redes sociais este dia importante para o cristianismo e que foi um divisor no curso da história da Igreja.

Muitos líderes também do país foram as rede sociais fazer suas homenagens. Confira!

“Além disso, a Reforma contribuiu com o entendimento entre a necessidade de separação entre Estado e igreja. Contribuiu também o com o surgimento da escola publica, com a multiplicação das Universidades, como também com a ideia moderna de democracia.
Pois é, quando tudo parecia perdido, numa época de profundas trevas, Deus usou Lutero, para iniciar a Reforma que mudaria o mundo pela redescoberta das verdades ensinadas por Cristo e seus apóstolos. Louvado seja o Senhor pela Reforma Protestante!” – Pastor Renato Vargens

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here