Vítima tinha sido sequestrada por criminosos em Fortaleza cerca de um mês atrás. — Foto: Ricardo Mota/TV Diário

Karla Claudiana de Amorim Cabral, 32 anos, foi assassinada a tiros dentro de sua própria residência no bairro Ellery após ter se convertido a Cristo e anunciado a todos em um vídeo. Com esperança de uma vida nova junto de sua família, Karla foi executada.

Homens armados teriam pulado o muro da casa da mulher e efetuado disparos de arma de fogo contra ela. As informações são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Conhecida como Karla Sereia nas redes sociais, a vítima aparece em vídeo que circula na Internet segurando uma Bíblia e dizendo que vai abandonar a facção criminosa Comando Vermelho para seguir vida religiosa.

Vídeo: Pistoleiros matam presidente da Câmara de Vereadores de Itaitinga, no Ceará

“Meu nome é Karla, vulgo ex-sereia. Venho aqui entregar minha camisa do Comando Vermelho pra seguir uma vida com Cristo ao lado das minhas filhas e da minha família. Espero que vocês tenha a oportunidade que eu estou tendo de estar na presença do Senhor”, diz nas imagens.

VEJA TAMBÉM
Pastor estuprou e ateou fogo no filho e no enteado, diz polícia

Veja vídeo:

De acordo com a SSPDS, a vítima já respondia na Justiça por receptação, tráfico de drogas e associação para o tráfico. O crime aconteceu na rua Doutor Atualpa na noite dessa quarta-feira, 31.

Policiais militares realizaram diligências na região para tentar localizar os criminosos mas não conseguiram encontrar os suspeitos. O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) e a Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) também estiveram no local.

Com informações O Povo