Da Redação

Seringas estavam enterradas em fazenda da familia do politico — Foto: Claudemir Macedo/TV Anhanguera

A Polícia Civil encontrou lixo hospitalar enterrado na fazenda da família do deputado estadual Olyntho Neto (PSDB). Durante o trabalho de escavação com maquinários, foram desenterradas seringas, luvas e frascos de remédio e até agulhas. A polícia acredita que a família tentou “limpar a área e desafazer da materialidade do crime”.

A fazenda Caeté fica entre Araguaína e Wanderlândia, na região norte do Tocantins. O caseiro fugiu ao ver os policiais chegarem no local.

O lixo estava enterrado na entrada da propriedade, a cerca de 300 metros da BR-153. Além da Polícia Civil, peritos e equipes do Naturatins estão no local. O trabalho de perícia e de escavação deve durar a tarde inteira. (Veja o vídeo)

A reportagem entrou em contato com a assessoria do deputado e aguarda um posicionamento.

Comissão do Senado cobrará informações sobre descarte irregular de lixo hospitalar

Nova empresa começa a recolher lixo em hospitais do Tocantins

De acordo com o delegado responsável pelo caso, a fiscalização ocorreu após denúncias de que parte do material encontrado no galpão havia sido transportado para essa fazenda. “Isso comprova, que houve uma tentativa de retirada desse material após a primeira ação de fiscalização”, informou.

Lixo foi encontrado em fazenda da família de deputado — Foto: Claudemir Macedo/TV Anhanguera

Ainda segundo o delegado, “mais uma vez há uma vinculação da família Olyntho com o caso, considerando que essa fazenda também pertence a família, assim como o depósito. É uma tentativa de limpar a área e desfazer da materialidade do crime, trazendo pra uma outra propriedade da mesma família”, informou.

Com informações G1

Após 12 dias, empresa termina de retirar lixo hospitalar de galpão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here