“O escritório queimou todo e estava queimando até hoje de manhã, mas ali no pedaçinho onde ela estava praticamente não queimou”. Foto: Reprodução

Assim que chegava em sua tapeçaria, o empresário Altair Antônio, 49, entrava em seu escritório e, junto com a esposa, abria uma bíblia cor-de-rosa que ficava em uma mesa de madeira e lia um versículo. Quando ele entrou no imóvel nesta quarta-feira (28), depois que a edificação foi consumida por um incêndio de grandes proporções, a escritura era uma das poucas coisas que restavam intactas.

No final da tarde desta terça-feira (27), quem passava pela avenida Miguel Sutil se assustava com a densa nuvem de fumaça negra que encobria o céu. O fogo começou quando faíscas de uma máquina de solda caíram sobre as espumas utilizadas no estofamento de bancos de veículos e rapidamente se alastrou. Para o trabalho de contenção das chamas pelo Corpo de Bombeiros o tráfego de veículos precisou ser suspensos temporariamente num trecho da avenida.

Milagre: Vídeo mostra mulher cadeirante sendo curada durante culto

“Onde a bíblia estava praticamente ficou tudo intacto. O escritório queimou todo e estava queimando até hoje de manhã, mas ali no pedaçinho onde ela estava praticamente não queimou. A mesa do escritório em que ela estava também ficou perfeita”, disse a filha de Altair, Joice Aparecida da Silva Godinho, 26.

VEJA TAMBÉM
Convenção Batista Brasileira publica nota após tragédia no CT do Flamengo

Os destroços revelam que o imóvel foi completamente destruído pelo fogo. A estimativa, de acordo com a família, é que tenha sido um prejuízo de R$ 400 mil. Todo o estoque, móveis e maquinário foi incendiado.

“Era a fonte de renda da família. A gente estava vendo para alugar outro imóvel que tem aqui do lado. Uma tia nossa vai emprestar uma máquina de costura. Já ganhamos um pouco de ferramentas e aí vamos voltar a trabalhar”, completou.

O incêndio

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o imóvel, no bairro Lixeira, em frente à Trincheira Jurumirim, foi totalmente tomado pelo fogo. Ao menos 3 viaturas foram utilizadas para combate às chamas. Não houve vítimas.

“No caminho do milagre a gente vence tudo”, diz Ludmila Ferber em foto no hospital

Joice explicou que haviam 5 pessoas no local, que conseguiram sair a tempo. O fogo teria começado no 2º andar e atingido rapidamente toda a extensão da loja.

“O rapaz da empresa que estava soldando pediu pra levar água, mas quando chegou lá em cima já havia muito fogo e os extintores que tinham não apagavam”.

VEJA TAMBÉM
Pastor Abílio Santana tem alta do hospital e agradece orações

Com informações R7