Da Redação

O Tocantins deu um importante passo no sentido de promover a inovação em seu sistema de educação. Nesta terça-feira, 18, o governador Mauro Carlesse, acompanhado da secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar, assinou, em seu Gabinete, o contrato de aplicação de recursos, firmado entre o Estado e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Por meio desse contrato, a instituição financeira concede, ao Tocantins, a colaboração financeira do fundo não reembolsável do BNDES para a educação, no valor de R$ 3.513.900,00, a ser utilizado na implantação de um dos eixos do Programa Educação Conectada e Inovação – Implementação e Uso de Tecnologias Digitais. O projeto atenderá 86 escolas das redes estadual e municipal, das cidades de Araguaína e Gurupi.

No ato de assinatura, Mauro Carlesse enfatizou que o contrato reflete a qualidade dos projetos em desenvolvimento no Tocantins e que esses recursos serão importantes no processo de inovação, pelo qual o ensino do Estado deverá passar nos próximos anos. “A tecnologia e a inovação têm sido cada dia mais importantes e já são base para as transformações sociais. Acredito que a educação que sonhamos para os nossos filhos passa por essa transformação. Esse recurso que conquistamos junto ao BNDES será aplicado da melhor forma, levando mais tecnologia para essas escolas contempladas”, disse.

VEJA TAMBÉM
Em meio a crise, Governo exonera mais 130 servidores do Ruraltins e da Secretaria do Trabalho

Os recursos serão destinados à formação de professores qualificados em Tecnologias da Informação e Comunicação Educacionais (TIC), aquisição de equipamentos de informática e desenvolvimento de atividades pedagógicas mediadas por tecnologias. O projeto será executado por um período de dois anos no Tocantins.

O Programa é desenvolvido em parceria com o Ministério da Educação (MEC), na intenção de fomentar o uso da tecnologia como ferramenta pedagógica nas escolas públicas de educação básica, testando modelos e criando oportunidades de aprendizado nas diferentes realidades brasileiras. O Tocantins foi contemplado após ser sorteado por meio de Chamada Pública do BNDES. Na ocasião, foram recebidos projetos de 26 unidades federativas e sorteado apenas um estado de cada região do País. A assinatura do contrato pelo governador é a coroação de um longo trabalho realizado pelas equipes técnicas da Seduc e dos municípios contemplados, desde a proposição dos projetos até a adequação a todos os requisitos do Ministério.

Para a secretária Adriana Aguiar, uma vez implementado o projeto Educação Conectada em Araguaína e Gurupi, a tendência será de ampliação para outras cidades, levando em conta a certeza dos bons resultados que serão alcançados. “O Tocantins é o único estado da Região Norte contemplado neste projeto. Caminhamos para nos tornar modelo desta ação e, à medida que conseguirmos levar mais tecnologia para o dia a dia da vivência educacional, teremos mudanças concretas em diversos processos e metodologias. Estamos muito animados com esta conquista alcançada para a nossa Educação”, frisou.

VEJA TAMBÉM
Do PSDB, três prefeitos do Sul reforçam apoio a Carlesse

Com informações Secom