Da redação JM

O ator coleciona episódios de intolerância e agressividade, já tendo inclusive cuspido no rosto de uma mulher apenas por divergir de suas opiniões

O ator petista José de Abreu voltou a se envolver em polêmicas sobre política. Ele, que já foi flagrado cuspindo em uma mulher durante discussão em restaurante, agora partiu para o ataque contra os evangélicos só por causa da simpatia destes ao povo de Israel.

Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad, com apoio do hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o fascista matador e corrupto Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar merda.“, escreveu o ator no Twitter.

Internautas rebateram o comentário de José de Abreu

“Diminui a dose no supositório de pó, Que as alucinações vão passar.”, disse um.

“Não vou responder, , vou te dar um conselho. Quando usar drogas, não twite!!”, disse outro.

O Mossad para quem não sabe, é o Serviço Secreto de Inteligência de Israel, e esta é uma acusação bastante séria para ser feita sem provas. Não é possível que um militante de um partido que tem seu maior líder condenado e preso saia simplesmente acusando instituições de outras países somente para agradar seus seguidores e isso fique simplesmente por isso mesmo. José ainda, no alto de sua intolerância dispara sua raiva contra a Santa Casa de Juiz de Fora e contra o Hospital Albert Einstein, um dos mais sólidos e confiáveis do país.