Da redação

O pastor Sargento Isidório, que além de deputado federal é também capitão da Polícia Militar, polemizou ao fazer um comentário sobre o desfile de Pabllo Vittar na última segunda-feira, 4. “O cara tem todo o direito de desfilar, tem o público dele, de gays e lésbicas, e o mundo é democrático. Agora, eu nunca vou chamar ele de ‘ela’, porque é homem. Posso perder meu mandato, ser algemado, mas nunca vou chamar de ‘ela’’, destacou.

Deputado Sargento Isidório quer “Dia do Orgulho Hétero” por temer falta de representatividade

“O que precisa é que o Carnaval transcorra em paz, sem violência, sem morte e sem criminalidade. É isso que eu fico repetindo. Eu quero que Deus traga paz pra jovens e famílias que estão no circuito”, finalizou.