Da redação JM

O pastor Rinaldi Digílio, um dos líderes da Igreja Quadrangular Família Global, postou um vídeo junto de outros pastores que deixaram a IEQ após problemas relacionados à liderança no Brasil.

Digílio ironiza no vídeo dizendo que “não veio ninguém” para logo em seguida mostrar um bom número de pastores e esposas na reunião.

Nós marcamos uma convocação de pastores, não veio ninguém gente, estou triste aqui ó“, ironiza o pastor.

O clima ao final do vídeo demonstra que o projeto criado pelos pastores ganha força, apesar das críticas feitas a ele.

Entenda

Igreja do Evangelho Quadrangular, uma das maiores denominações evangélicas pentecostais do Brasil, fundada no país em 1951, enfrenta uma das maiores crises em sua liderança, fato este que culminou com a saída de alguns pastores de seu quadro e a criação de um novo ministério, a igreja “Quadrangular Família Global“. O anúncio foi feito por pastores que já há algum tempo apontavam críticas à liderança exercida pelo reverendo Mário de Oliveira, líder da IEQ no Brasil.

VEJA TAMBÉM
IEQ realiza Congresso Estadual de Jovens e Adolescentes em Arapoema

O Bispo Guaracy Silveira, um dos lideres nacionais da IEQ disse ao JM Notícia que “não há nenhuma divisão” na igreja e que tudo isso é “um barulho de algumas pessoas que foram submetidas à Comissão de Ética de São Paulo e Nacional.”

O líder diz ainda que estes estão em um processo disciplinar “talvez até a exclusão” e por isso “resolveram fazer esse ‘ministério’ que não será seguido por ninguém.”

O pastor disse ainda que a IEQ tem “21 000 templos no Brasil”, já “esse pessoal não levam uns vinte templos pois a IGREJA que esses lideravam funcionava em imóveis deles.

Igreja Quadrangular sofre divisão e pastores criam novo ministério “para voltar às raízes”