Da redação

É o melhor desempenho para o mês desde 2014, quando foram abertas 260.823 vagas formais

O Brasil criou 173.139 empregos com carteira assinada em fevereiro, segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados hoje pelo Ministério da Economia. É o melhor desempenho para o mês desde 2014, quando foram abertas 260.823 vagas formais.

Esse resultado é o saldo, ou seja, a diferença entre contratações e demissões. Em fevereiro do ano passado, foram abertas 61.188 vagas. Na comparação com janeiro deste ano, quando foram criadas 34.313 vagas, o saldo do emprego formal também registrou melhora.

Serviços puxam alta Dos oito setores analisados, houve fechamento de vagas apenas na agropecuária. O setor de serviços liderou as contratações:

Serviços: +112.412

Indústria: +33.472

Administração pública: +11.395

Construção civil: +11.097

Comércio: +5.990

Extração mineral: +985

Serviços industriais de utilidade pública: +865

Agropecuária: -3.077.

Trabalho intermitente Pela modalidade de trabalho intermitente, que prevê o trabalho sem horário fixo e com o empregado recebendo apenas pelas horas trabalhadas, foram registradas 8.299 contratações e 3.953 demissões em fevereiro, um saldo positivo de 4.346 empregos.

VEJA TAMBÉM
Reforma Trabalhista foi aprovada no Senado, entenda o que vai mudar

As aberturas de vagas desse tipo se concentraram no setor de serviços (2.311), comércio (973) e indústria (656). O trabalho intermitente foi instituído pela reforma trabalhista, em vigor desde 11 de novembro de 2017.

Via Reuters

COMPARTILHAR