Da redação JM

Na ocasião, os parlamentares discutiram assuntos pertinentes à condução do processo e pediram orientações à Magistrada. Foto: Divulgação

Membros e suplentes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que apura as aplicações financeiras relacionadas ao PreviPalmas, se reuniram na quinta-feira, 28, com a Juíza Flávia Afini Boro, Diretora do Forúm de Palmas, para uma visita institucional.

Na ocasião, os parlamentares discutiram assuntos pertinentes à condução do processo e pediram orientações à Magistrada. “A CPI investigará todas as brechas e todos os desvios feitos. Viemos em busca de orientação, em como agir e iniciar nossos trabalhos”, explicou o presidente da Comissão, vereador Milton Neres (PP).

O vereador Gerson Alves (PSL) citou as dificuldades em ouvir os envolvidos e falou sobre a necessidade de uma boa condução para que não haja atrasos no processo. “Estou participando pela segunda vez desta CPI, e sentimos muita dificuldade para ouvir e intimar as testemunhas. Vamos seguindo firmes para que o processo se resolva da melhor forma”, ponderou o parlamentar.

A Diretora se colocou à disposição para auxiliar os parlamentares e concordou com a necessidade de investigação sobre os desvios públicos. “Este valor desviado pertence aos servidores, que trabalham e devem receber por direito. Coloco-me à disposição para ajudar e orientar no que for necessário”, evidenciou.

VEJA TAMBÉM
Júnior Geo solicita que CPI do PreviPalmas seja pautada com urgência pelo presidente da Câmara

Também participaram da reunião o vice-presidente da Comissão, vereador Vandim do Povo (DC), Tiago Andrino (PSB) e Moisemar Marinho (PDT), além do Procurador da Casa Legislativa, Evandro Melo Júnior, dentre outros servidores.

(Câmara)