Da redação

A lista dos selecionados poderá ser consultada pelo Diário Oficial do Município ou pelos sites da habitação de Palmas

Centenas de inscritos no Cadastro Habitacional de Palmas se dirigiram até a Escola de Tempo Integral (ETI) Almirante Tamandaré na tarde desta segunda-feira, 08, para acompanhar de perto o sorteio que definiu os nomes dos 500 pré-selecionados para receber as casas do conjunto habitacional Jardim Vitória I, construído pelo Minha Casa Minha Vida, por meio da Caixa Econômica Federal. A Prefeitura de Palmas faz a pré-seleção dos beneficiários.

Todo o processo foi coordenado por uma comissão técnica da Secretaria Municipal de Habitação e auditado por representantes da sociedade civil organizada, do Defensoria Pública da União e por um representante do próprio grupo de cadastrados.

“Devido à importância deste processo seletivo nós viemos acompanhar e pudemos comprovar a lisura de todo o sorteio, fizemos uma auditoria em todas as listas e vimos como o sorteio foi realizado de forma honesta e transparente”, destacou o Padre Aderso Alves dos Santos que fez parte da mesa de auditoria do sorteio.

“É importante deixar bem claro que as 500 famílias pré-selecionadas hoje devem comprovar todas as informações prestadas no ato do cadastro e devem cumprir os prazos na entrega dos documentos. Todos os cinco grupos são compostos por pré-selecionados, suplentes e quadro de reservas”, destacou a secretária-executiva de Habitação, Sabrina Machado, presidente da Comissão que realiza os sorteios das unidades habitacionais.

VEJA TAMBÉM
Presidente do PreviPalmas pede exoneração após recomendação do TCE-TO

A dona de casa Shirlene Pereira Mota foi pré-selecionada e disse que não vai perder tempo. “Vou amanhã mesmo no Resolve Palmas abrir o meu processo e começar a levar meus documentos”, contou animada Shirlene. Ela esteve no local do sorteio acompanhada de sua mãe com quem mora atualmente. “Eu tenho dois filhos e vou morar na casa nova com eles, faz mais de dez anos que eu coloquei o meu nome no cadastro e desta vez eu fiz até jejum, pedindo a minha casinha”, disse emocionada.

A seleção foi feita por meio de sorteio da Loteria Federal, concurso nº 5.377, de 06 de abril de 2019, e teve a participação de mais de 17 mil famílias inscritas no Cadastro Municipal de Habitação. A lista dos selecionados poderá ser consultada pelo Diário Oficial do Município ou pelos seguintes endereços: habitacao.palmas.to.gov.br ehabitacao2.palmas.to.gov.br.

Jardim Vitória I

Cada lote do empreendimento terá 180 m² com uma casa de 44,58 m² de área construída dividida em dois quartos, sala integrada à cozinha, banheiro e área de serviço. O investimento unitário é de R$ 80 mil, incluído neste total, a aquisição do terreno, bem como a infraestrutura completa como terraplenagem, drenagem pluvial, rede de esgoto, rede de água, pavimentação, placa solar, paredes de concreto e estrutura com aço galvanizado, calçadas com acessibilidade, sinalização viária e iluminação das vias em LED.

VEJA TAMBÉM
Incêndio atinge Parque Cesamar, um dos principais pontos turísticos de Palmas

“O projeto das casas também é adaptável, com esquadrias em alumínio, piso cerâmico, laje completa e placas fotovoltaicas para geração de energia solar”, explica o secretário de Habitação de Palmas, Fábio Frantz.

Ainda de acordo com Frantz os moradores deste empreendimento também contarão com parte de um projeto de urbanização que prevê a construção de uma praça com quadra de areia; playground infantil; área de convivência e paisagismo. “A Prefeitura conseguiu ainda realizar a construção de um Centro de Educação Infantil para atender as famílias deste empreendimento e da região, que deverá ser inaugurado em breve”, finalizou o secretário.