Redação JM Notícia

Segundo informações da Folhapress, agência de notícia da Folha de São Paulo, aconteceu um encontro sigiloso no Itamaraty nesta segunda-feira (13) onde representantes de Israel teriam pedido apoio do Brasil nas ações contra o Irã.

A tensão no Oriente Médio está crescendo por conta dos “atos beligerantes” do Irã. Acredita-se que Teerã esteja se preparando para atacar Israel ou alvos americanos enviados para a região.

O encontro teria acontecido entre o responsável por Assuntos Estratégicos do Ministério das Relações Exteriores, Joshua Zarka. Do brasileiro, enviados do Itamaraty, Ministério da Defesa, Gabinete de Segurança Institucional, Polícia Federal e Abin (Agência Brasileira de Inteligência). Nenhum órgão envolvido falou oficialmente sobre este encontro.

Esta semana o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a ameaçar o Irã dizendo que, caso haja um ataque aos alvo americanos, haverá consequências. “Se fizeram qualquer coisa, sofrerão muito”, disse Trump.

O governo americano enviou um navio de guerra, um porta-aviões, aviões bombardeios B-52 e uma bateria de mísseis Patriot para a região, se preparando para qualquer contra-ataque.

VEJA TAMBÉM
Comissão do impeachment é instalada; Rosso é o presidente e Jovair o relator

Israel estaria pedindo para que o governo brasileiro tome partido nesta questão e condene as ações do governo iraniano.