Da redação


Essas melhorias visam aumentar a segurança e o controle do acesso dos estudantes ao serviço, o que será um incentivo à permanência dos alunos na escola. 

A Prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria Municipal da Educação (Semed), em parceria com a empresa Exata Transportes Ltda., traz um sistema inovador no transporte escolar da rede municipal de ensino. A Capital  será pioneira no Brasil na introdução de carteirinhas eletrônicas, catraca digital e outras inovações para o Transporte Escolar.  Essas melhorias visam aumentar a segurança e o controle do acesso dos estudantes ao serviço, o que será um incentivo à permanência dos alunos na escola. 

As inovações serão apresentadas no evento de lançamento nesta terça-feira, 21, às 16 horas, na Escola de Tempo Integral (ETI) Caroline Campelo, localizada no setor Santa Fé (2ª etapa). 

Segundo Rone Von Pinto da Silva, Diretor Executivo da empresa Exata Transportes Ltda., o sistema será implantado inicialmente na ETI Caroline Campelo e posteriormente estendido às outras unidades que possuem Transporte Escolar. “De uma maneira geral, essa inovação objetiva duas coisas, que é a transparência no serviço oferecido, pois é promovido com recursos públicos, além de garantir maior segurança para os alunos e tranquilidade para as famílias e comunidade escolar. Serão implantadas ferramentas de biometria facial, cartão eletrônico individual, Sistema de Posicionamento Global (GPS) nos ônibus, câmeras de monitoramento internas e externas nos ônibus”, explicou ele. 

VEJA TAMBÉM
Carlesse apoia ensino superior e anuncia investimento em pesquisa e tecnologia

Conseguir verificar a rota das crianças, visualizar localização em tempo real, saber se o aluno já chegou à sua escola, disponibilizar o acesso a imagens do ônibus, acompanhar as informações com transparência através do sistema online, com login e senha, são algumas das vantagens. Diante de todo esse avanço, a diretora da ETI Caroline Campelo, Geane Santana, contou que é uma honra ser a primeira escola a receber os benefícios. “Ser o projeto piloto é muito gratificante, essa tecnologia só tem a contribuir. Esperamos que cada vez mais possamos ter mais integração e promover um atendimento de excelência e com equidade para toda a rede”, comentou a gestora.