Da redação


Lavrador Manoel Ferreira da Silva, 51 anos, teve pedra retirada da bexiga — Foto: Reprodução/TV Bahia

O lavrador Manoel Ferreira da Silva, 51 anos, ainda custa a acreditar que estava com uma pedra de de 1,3 Kg e 18 cm na bexiga. Na segunda-feira (20), ele passou por uma cirurgia para a retirada da pedra, em um hospital de Jacobina, no norte da Bahia, e disse ter ficado surpreso já que, segundo conta, não tinha dimensão da gravidade do problema.

O médico responsável pela cirurgia afirma que o cálculo da bexiga do paciente é um dos maiores já encontrados em seres humanos no mundo e diz acreditar que tenha se desenvolvido por cerca de 20 anos no homem.

“Não passou pela minha cabeça isso. Doía e eu pensava que era menor”, destacou Manoel.

Ele ainda segue internado nesta quarta-feira (22) na unidade de saúde, se recuperando do procedimento.

Após ter passado pela cirurgia para a retirada do cálculo da bexiga, e agora estar se sentido bem, Manoel afirma que não tem dúvidas de que houve um milagre.

VEJA TAMBÉM
Sobrenatural: Quadro com imagem de Jesus resiste a incêndio que destruiu igreja

“Um milagre de Deus. Primeiramente de Deus e, segundo, o doutor. Nunca me faltou fé, até hoje não, graças a Deus”.

Ele diz que agora só pensa em se recuperar e voltar a plantar milho na zona rural do município de Miguel Calmon, onde mora.

O homem está no hospital acompanhado de uma das três filhas, Samara. “Deus botou o doutor na nossa frente e ele fez a cirurgia do meu pai. E graças a Deus, ele vai ficar bem já já”, diz.

(Com G1)