Redação JM Notícia

(Buenos Aires – Argentina, 06/06/2019) Almoço Oficial oferecido pelo Senhor Mauricio Macri, Presidente da República Argentina.\rFoto: Marcos Corrêa/PR

Em visita à Argentina, o presidente Jair Bolsonaro comentou com jornalistas que existe um projeto para a criar uma moeda comum entre os dois países que se chamaria “peso real”.

A intenção de criar uma moeda única no Mercosul é discutida desde os anos 90, mas a unificação da moeda com a Argentina seria a concretização do processo de integração dos dois países que adotam políticas econômicas semelhantes.

Aos jornalistas, Bolsonaro declarou que este seria um projeto do ministro da Economia, Paulo Guedes, que já teria dado o primeiro passo para a criação de uma moeda única no Mercosul. “Como aconteceu com o euro lá trás, pode acontecer com o peso real aqui”, declarou o presidente.

Bolsonaro confessou que não entende de economia, logo não poderia opinar sobre o que o Brasil perderia com esta união de moedas, uma vez que a situação financeira da Argentina é crítica, com uma inflação alta e com o peso desvalorizado.

“Em todo casamento todo mundo perde alguma coisa e ganha outras, eu sou pelo casamento, pela família tradicional”, disse o presidente brasileiro confirmando que apoia a união das moedas.