Redação JM Notícia

Deputado Sargento Isidório protesta durante a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado |Foto: Pedro França/Agência Senado

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou nesta quarta-feira (12) o relatório que pede a suspensão do decreto do presidente Jair Bolsonaro que flexibiliza o porte de armas.

A comissão já tinha rejeitado o parecer que mantinha o decreto que fora assinado pelo senador Marcos do Val (Cidadania-ES) com 15 votos a nove. Depois foi apresentado o relatório alternativo do senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) que pedia a suspensão e esse sim foi aprovado pelos senadores.

O projeto ainda precisa passar pelo plenário do Senado, que vai analisar o conteúdo. A Câmara dos Deputados também deve analisar a matéria.