Da redação

Naturatins apreende 250 kg de peixe em operação no Cantão – Naturatins/Governo do Tocantins
‹›×

Cerca de 250 kg de pescados foram apreendidos por equipes de fiscalização ambiental do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) na região do Parque Estadual do Cantão (PEC). A operação foi realizada entre os dias 18 e 21 de junho, com a abordagem de diversas embarcações e acampamentos, e tinha como objetivo principal o combate à captura de quelônios e pesca ilegal na área do PEC.

De acordo com o relatório da fiscalização, num acampamento foi verificado que havia uma grande quantidade de pirosca (pirarucu) e de tucunaré. Nenhuma das pessoas no acampamento tinha carteira de pescador profissional e ainda foi feita medição dos tucunarés, que estavam abaixo do tamanho permitido. Além da apreensão do pescado, foi aplicada uma multa de R$ 5.300. Conforme determina a lei, o pescado foi doado a entidades assistenciais na cidade de Caseara.

O diretor de Proteção e Qualidade Ambiental, Eliandro Carlos Gualberto, ressalta que nos períodos de feriado prolongado e chegando as férias escolares de julho as ações fiscalizatórias serão intensificadas, tendo em vista o maior número de pessoas em atividades de lazer nos mananciais e unidades de conservação. “Queremos dar ênfase nas ações educativas, mas também trabalharemos sob o enfoque coercitivo para evitar os danos ao meio ambiente”, destacou.

VEJA TAMBÉM
Segundo análise, lama preta na praia das Arnos é esgoto doméstico

Educação Ambiental

A equipe de fiscalização abordou diversas embarcações e realizou orientação de todos os ocupantes para não realizar a captura de quelônios (tartarugas), assim como para não realizar pesca dentro dos limites do Parque Estadual do Cantão. Lembraram ainda que está valendo a restrição de transporte de pescado de origem de pesca amadora (cota zero) para fora dos limites das áreas ribeirinhas.