Da redação JM

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, faz grave denúncia. Foto: Reprodução

A pastora e atual ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, usou sua conta no Twitter, na manhã desta terça-feira, para  fazer uma grave denúncia: a pedofilia no Brasil já atingiu a seara do ‘crime organizado’. 

De acordo com Damares,  além de colocarem preço em fotos de crianças, variando entre R$ 2 mil e R$ 50 mil,  os criminosos vendem também estupro de bebês.

+ Ministra Damares Alves nega que tenha pedido para deixar o governo

Sem medo

“O crime organizado não me quer no poder. Olha a minha cara de medo. Tenho medo, não”, destaca a ministra.

Ela termina o vídeo com uma advertência: “É bom entender que os corruptos não querem essa ministra, por que ela vai abrir a caixinha e contar o que está no segredo”.

Damares tem um histórico de vida em defesa das crianças e, agora ministra, tem batido forte contra organizações criminosas que se aproveitavam das faltas de fiscalização e brechas na lei para cometerem crimes contras as crianças.

Assista: