O motor de um veículo é o responsável por transformar combustível em energia, gerando movimento nas rodas. Ele conta com itens muito delicados e partes eletrônicas que precisam de atenção especial, além disso, diversos fatores podem influenciar no mau funcionamento do motor.

Pode acontecer do seu carro falhar quando você menos espera, aliás, isto acontece com muito mais frequência do que se imagina. Nesta hora muitas pessoas entram em pânico, mas isto de nada resolve. O importante é ter calma para poder avaliar o que está acontecendo.

São vários os motivos que podem levar um veículo a falhar e cada motivo tem suas próprias características. Identificando o problema ficará mais fácil resolvê-lo. Nesta matéria está alguns problemas que podem ocorrer no motor do seu veículo e suas respectivas soluções, segundo o site Widmen.

Veja os principais:

Combustível adulterado: Solventes e outros produtos químicos podem contaminar o óleo do motor e causar sérios danos à peça, por isso, abasteça sempre em postos de confiança para evitar o uso de combustível adulterado.

Velas com prazo de validade vencido: A principal função das velas é emitir energia para a câmara de combustão, convertendo-a em faísca, provocando assim, a queima da mistura ar/combustível. Elas desgastam-se com o tempo e mesmo que apenas uma das quatro velas esteja danificada, alguns sinais de falhas podem ser notados, como o aumento do consumo de combustível, dificuldade de dar a partida, excesso de fumaça saindo pelo escapamento e falhas no motor.

Sistema elétrico molhado: Os veículos atuais são equipados com injeção eletrônica e outros periféricos supersensíveis à água. O isolamento dessas partes na hora da limpeza é muito complicado e, portanto, ao deixar molhar o motor, ele pode apresentar falhas ou não ligar novamente.

Avaria na correia do alternador: A peça é responsável pelo acionamento do alternador e, consequentemente, pela geração de energia elétrica do automóvel. Quando ela se rompe, dá pra ouvir um ruído como algo chicoteando dentro do compartimento do motor. Será preciso trocá-la o quanto antes.

Vazamento do líquido de arrefecimento: O líquido pode vazar pela mangueira, radiador, caixa de termostato, bomba de água, junta do motor, tampas protetoras anticongelante, óleo de transmissão automática, cabeça do cilindro e monobloco causando o superaquecimento do motor. Assim que perceber o problema, vá imediatamente à uma mecânica especializada.

Atenção!

Veículos com mais de 100 mil quilômetros rodados têm mais chances de apresentarem problemas na bomba d’água e no radiador, principalmente quando o motorista não usa aditivo na água. Ao notar alguma falha no motor, vá imediatamente a uma mecânica especializada para diagnosticar e solucionar problemas no motor do seu carro. Lá, o mecânico irá fazer a substituição de peças que podem ser adquiridas em lojas online como o site auto-doc.pt ou lojas físicas.