Sempre tendemos a fugir de burocracias e optar por condutas mais práticas. No entanto, nem sempre esse é o caminho mais seguro. Nesse artigo vamos falar sobre a importância do Microempreendedor Individual (MEI) ter uma conta jurídica e como ela pode ser aberta em alguns minutos através dos bancos digitais, sem nenhuma burocracia e repleta de vantagens para a organização financeira do seu negócio.

É comum o MEI receber pagamentos e realizar transações através da conta-corrente Pessoa Física, uma conduta legal e autorizada para essa modalidade. Todavia, existem desvantagens que podem ser solucionadas caso a empresa tenha uma conta jurídica.

O consultor sênior empresarial, adm. Carlos Moreira, da MORCONE Consultoria, pontua razões pelas quais todo empreendedor deve abrir uma conta jurídica e os principais benefícios ao realizar essa escolha. Veja mais a seguir.

Elimina possíveis complicações com a Receita Federal

Embora o Governo Federal libere o uso da conta-corrente Pessoa Física para o MEI, a Receita Federal ressalta a importância de abrir uma conta jurídica e separar as finanças da empresa das contas pessoais.

O consultor Carlos Moreira ressalta que a transparência na movimentação financeira da empresa é suma importância para evitar cair na Malha Fina. “Ter uma conta jurídica é uma maneira de estar em ordem com a Receita Federal e manter a empresa dentro das exigências do órgão, caso ocorra uma fiscalização e a necessidade de comprovações de pagamento”, adverte.

Ter uma estrutura jurídica – por que é importante?

Estrutura jurídica seria atender as demandas e organização que uma empresa, seja ela MEI ou de porte maior, precisa obter. Ao se tratar da organização das finanças é ainda mais importante.

Ter uma conta jurídica aumenta a credibilidade da empresa junto ao cliente e fornecedores, além das vantagens de obter mais opções de crédito e financiamentos em instituições financeiras, uma vez que a análise para Pessoa Jurídica é diferenciada.

“A liberação de crédito para Pessoa Física geralmente possui taxas mais altas. Quando opta pela conta PJ tem acesso às linhas de crédito, talões de cheque, consórcios e até possíveis investimentos para a expansão do negócio”, argumenta.

Confira as vantagens ao abrir uma conta-corrente PJ para sua empresa:

  • Organização e controle das finanças da empresa, uma vez que elas estarão desvinculadas da conta Pessoa Física e gastos pessoais;
  • Tem maior acesso as opções de crédito e outros benefícios;
  • As opções de conta para empresas são mais completas e oferecem serviços especiais para negócios;
  • Maior credibilidade com os clientes, além da organização, possibilidade de gerar boletos sem custo e checagem precisa dos pagamentos;
  • Os registros facilitam a gestão do fluxo de caixa, lucros, despesas e rendimentos.

É burocrático abrir uma conta jurídica?

Ao falar em abrir uma conta jurídica, logo associamos a processo burocrático, exigência de inúmeros documentos, comprovações, assinaturas, etc. Mas nem sempre é assim, o MEI por exemplo, pode abrir uma conta jurídica em poucos minutos através dos bancos digitais que vieram para facilitar a vida e eliminar qualquer tipo de burocracia.

Mesmo empresas que não são MEI, que há sócios, há exigência de contrato social e documentos específicos, no entanto, vale a pena pelas vantagens obtidas. “É essencial avaliar a melhor instituição financeira com taxas mais acessíveis e que estejam adequadas ao perfil financeiro e necessidades da empresa”, sugere o especialista.

O consultor ressalta que atualmente os bancos digitais são opções interessantes para o microempreendedor, pois não cobram taxas e possibilitam a abertura online, via smartphone, com zero burocracia.

Confira alguns exemplos de bancos digitais que disponibilizam abertura de conta para PJ e as vantagens de cada instituição:

Banco Inter

O banco Inter é 100% digital e disponibiliza a abertura de conta online para o MEI. Para ter uma conta PJ no Inter vai precisar abrir uma conta-corrente também Pessoa Física, mas tudo gratuitamente. “Ter uma conta PF no mesmo banco é aconselhável para evitar o pagamento de taxas extras de outras instituições, o que acaba sendo uma opção atrativa”, pontua o consultor.

Vantagens da conta PJ no banco Inter:

  • 100 TEDs gratuitos por mês;
  • Depósito de dinheiro via boleto;
  • Interpag: receba via QR Code, sem custo;
  • Depósito de cheque por imagem;
  • Disponibiliza um cartão de débito para movimentações financeiras no caixa eletrônico 24 horas e crédito (sujeito a análise).

Agibank

Não possui tarifas, portanto é outra sugestão interessante para o MEI. A conta PJ pode ser aberta online, sem burocracia. Os pacotes do Agibank são mais compactos, além de não possuir cartão de débito ou crédito, apenas o saque sem o cartão em casas lotéricas. Confira os serviços disponíveis:

  • Transferências de até 4 TEDs gratuitos por mês;
  • Emissão de folha de pagamento digital para funcionários;
  • Atendimento via chat;
  • Saques em casa lotérica (sem o cartão).